Loading...

terça-feira, 14 de outubro de 2008

INFALÍVEL ESPERANÇA

Lendo um jornal secular,m deparei-me com a seguinte pergunta dirigida a algumas pessoas: “se o mundo fosse acabar amanhã, o que você faria? Eis algumas interessantes respostas: “ eu me reuniria com meus familiares”, disse uma senhora; “esperaria sentado mesmo, já que não teria outro jeito mesmo”, disse um senhor de 44 anos; “ faria uma festa, disse uma jovem de vinte e um anos, dona de casa. Todos eles mostraram que têm uma coisa em comum: sua vida se resume a esta vida. Muito diferente dos servos de Cristo.
Quem é nossa esperança? O cristão deve pensar também assim? Claro que não! O cristão verdadeiro tem sua visão voltada para a eternidade, o céu. Ele vive segundo os ditames dessa mesma esperança. Cristo, no capítulo 14 de João, tem feito uma promessa que deve nortear a vida de todo verdadeiro cristão: a sua ida para o céu. Ele prometeu isso, nossa vida tem essa meta. Veremos Cristo e estaremos com ele para sempre. Paulo, no capitulo 5 de II Coríntios, disse que termos uma nova “casa”, referindo-se ao nosso novo corpo, após o Tribunal de Cristo; depois disso estaremos para sempre debaixo de Suas asas preciosa, no céu, bem pertinho d’Ele. No capítulo 15 de I Coríntios, o apóstolo diz que seremos transformados, nosso corpo será grandioso, glorioso, eterno.
No capítulo 5 de romanos, o apóstolo diz que “a esperança não traz confusão,porquanto amos de Deus está derramado em nosso coração pelo Espírito santo que nos foi dado.” O mundo não tem isso. Sua esperança está apenas nessa vida, conforme se pode depreender das frases citadas acima. As frases deles demonstram o quanto eles são fragilizados. Mostram que eles estão conformados com a vida vazia que levam, não pensam numa vida futura, pois não conhecem Cristo Jesus. É isso aqui e mais nada, na ótica deles. Resume-se, o que eles pensam, na seguinte frase: morreu acabou-se. Não para quem tem Jesus.
Viver com esperança só é peculiaridade de quem tem Jesus. Mas o que é viver com esperança? É ter uma vida segura, é pisar no chão firme. O lamaçal da dúvida e insegurança e tristeza não é de quem tem Jesus. É também ter uma vida sadia, conservada na Sombra do Altíssimo, como fala o salmo 91. Descansa à sombra do Onipotente que tem essa ideologia. Que vida saudável essa! Sem perturbação, sem medo; a depressão e a angústia não têm poder para dominar a vida de quem tem a Cristo. Pode até vir, mas não finca as garras na vida de quem tem o Senhor dos Exércitos como seu auxiliador. Glória a Deus!! Vive ele como Abraão, que lutou contra a esperança de não poder ser pai e foi vitorioso. Aleluia!
Nossa esperança nos diz para onde vamos, e o mundo não sabe para onde está indo. A cidade santa nos espera lá, adornada como uma noiva para o seu noivo. Tem um fim a nossa esperança: as regiões celestes. Teremos lá nossa coroa, nosso galardão.andaremos naquelas ruas de ouro puro e vermos bem de perto o mar de cristal. Disse Jesus que Jesus que iria prepara um lugar para que o servisse. Em apocalipse está bem claro como é esse lugar. Beleza incomparável.
Ao contrário do que crê o mundo, nossa esperança não morre, ela nos dá a vida, e vida abundante. Viver com esperança nossa dá uma atitude seguinificativa, cheias de prazeres indizíveis. Por isso que sempre devemos prosseguir, apesar de as circunstâncias conspirarem contra. Nada detém quem vive assim, nada mesmo. O Deus que faz emanar dele o poder garante que nos confortará e sua Palavra é fiel e verdadeira. Ele enxugará de nossos olhos toda lágrima.
Assim, o cristão não tem essa insegurança do mundo, esse vazio existencial, mas brilha como as estrelas no firmamento do amor de Deus. Paulo falou aos tessalonicenses que não devemos viver como o mundo, pois ele não tem nenhuma esperança, nós sim. Amém.

Nenhum comentário:

Postar um comentário