Loading...

terça-feira, 14 de outubro de 2008

AS MUDANÇAS NA ASSEMBLÉIA DE DEUS EM RECIFE

Quem chega ao Templo Central logo vê a diferença do templo antes da reforma e o atual.Ficou muito mais suntuoso, enchendo os olhos de quem chega lá.
A começar pelo púlpito, as mudanças têm sido chocantes do ponto de vista do luxo.Invés daquele púlpito de madeira, há um púlpito de metal, brilhoso, chamando a atenção de quem chega. Há momentos que você não sabe se olha para quem está no púlpito para ou para ele. Ao invés do lugar onde fica os pastores ser aberto, fica agora mais reservado.As cadeiras são muito mais bonitas, parecendo até aquelas cadeiras do século XIX. Atrás e de lado fica agora os presbíteros e os evangelistas. Na parte do meio fica os pastores. O tapete que cobre o chão desse lugar é bastante felpudo, parecendo até um casaco de pele estirado no chão. Não se vê agora a Bíblia ou qualquer outro objeto que o pregador estiver portando no púlpito, pois a tribuna é alta, a ponto de cobrir tudo. Acima dos que ficam sentados lá atrás, acima da parede, há um vidro, através do qual se vê o tanque onde se realiza o batismo. Agora ele fica coberto por um pano branco, quando antes ficava mostrando um desenho bem colorido, chamando a atenção dos cultuantes do que a própria Palavra de Deus.parece que ficou muito melhor assim.
À direita de quem entra, onde antes ficava um pequeno jardim, na parte de cima, agora está fechado, estando, agora, o lugar ocupado por bancos. Parece que o pastor Aílton e o engenheiro quiseram aproveitar bem o espaço. Acertaram em cheio. Ficou muito melhor mesmo. A mesma coisa fizeram n o lado esquerdo, tapando a visão de quem está dentro, impedindo a visão de quem está dentro do templo, como antigamente. O engenheiro acertou de novo. A construção anterior não levou em conta que a igreja iria crescer mais; talvez tenha sido essa a razão.
“Uma das maiores mudanças, que deixou os irmãos mais antigos de cabelo em pé, foi o fato de haver vários televisores de 29”, tela plana, facilitando a visão dos pregadores e se escuto bem. O sistema de som é muito bem distribuído, ficando sem nada a dever a nenhum sistema de um teatro ou as mais modernas casas de show (desculpem se não gostarem da comparação, é só em relação ao som). Até meados da década de 90, era “pecado” ter um TV em casa –embora muita gente que condenava quem possuía um, era as mesmas pessoas que tinham uma em casa. Uma prova de que costumes mudam, doutrinas bíblicas, não. Parabéns ao pastor pela iniciativa. Lembremos que o templo em Israel era de um luxo só. Havia lá ouro como se fosse cimento nos dias de hoje. Não quer dizer, como muitos dizem, que Deus só habita em templos humildes. Na verdade, os templos hoje em dia somos nós, como está escrito em I Coríntios capítulo 3.
Onde era o pátio, hoje é outra parte do templo, pois como disse acima, ele foi ampliado. Onde antes era um “point”, agora se adora a Deus. Claro que antes também se adorava a Deus também ali, os irmãos sinceros, que saíam de suas casas para adorar a Deus. O arcondiconado foi uma das melhores iniciativas do ponto de vista estrutural. Foi-se o tempo que o calor era o algoz, quando o templo estava cheio. O clima agora é muito melhor. Quando agora o templo fica cheio, os irmãos se sentem confortados. Mudou sim, mas para melhor. Parabéns mais uma vez.
Próximo ao antigo pátio é agora um estacionamento, onde os irmãos que vêm de longe estacionam. É uma área bastante boa, ficando os carros bem guardados. Próximo à cabine, do lado de fora, há a outra parte do estacionamento; pode-se estacionar também na parte de dentro, e também no lugar onde havia uma feira, onde nos dias de festa, se vendia de tudo: lanches, bugigangas, livros, etc. lá atrás só quem pode estacionar é pastor, evangelista, ou alguém de fora, do tipo cantor ou pastor. A igreja também tem comparado prédios próximos a ela e também terrenos que breve irão se transformar em departamentos ligados à igreja.
Ao lado direito de quem entra, após uns 25 metros, há o Departamento de Adolescentes, que junto ao Departamento de Casais, muito têm contribuído para o crescimento do povo de Deus. Tem sido de grande ajuda para quem procura. Que bênção!
Os prédios na parte de trás tem sofrido uma mudança estrutural para melhor. É lá que se hospedam os irmãos que vêm do interior. É uma boa estrutura.
As duas rádios também contribuem muito para o benefício e o crescimento do Reino de Deus. A Boas Novas é voltada para os irmãos mais antigos, colocando hinos mais antigos, do tipo inspirado, para deleite dos ouvintes. A outra, FM, é mais liberal, tocando músicas do estilo pop e pop rock, visando a juventude. Lá não há o debate que há na outra rádio. Através dessa rádio o nome de Deus tem sido glorificado. Um dos locutores mais conhecido é Carlos Pereira, da Boas Novas, tendo uma programação bem diversificada, ele tem atraído até os mais jovens. As entrevistas são um outro atrativo.
Até o atendimento está mais dinâmico, bem organizado, a começar pela recepção. As moças atendem muito bem que foram bem treinadas.
Quem quiser falar com o pastor presidente geralmente é encaminhado para um dos seus auxiliares, que fazem uma espécie de peneira com os assuntos a serem tratados. Há aconselhamentos exortações, em grupo ou individual. Tudo feito para a glória de Deus. O dinamismo da igreja recifense tem sido motivo de admiração até de outras denominações, chegando mesmo a ser conhecido de outros estados e até de alguns países.
Há missionários espalhados em várias partes do mundo, em três continentes. Nesse ponto tem havido muito desenvolvimento, graças a Deus.
Assim, a igreja em Recife tem crescido tanto fisicamente quanto espiritualmente, chegando mesmo a ser um exemplo para todos. Que esse crescimento seja permanente, pois foi para isso que Cristo constituiu sua igreja, não importando sob que denominação ela esteja. Tudo para a glória e honra do nome dele.

Nenhum comentário:

Postar um comentário